Topo Ir para conteúdo

Apresentação

A Trofa é um território que respeita o seu património e que prepara o seu futuro.

Prova disso são os investimentos e trabalhos de conservação que têm sido efetuados no Castro de Alvarelhos, um dos mais importantes sítios arqueológicos do noroeste peninsular, classificado como Património Nacional desde 1910.

A Igreja Paroquial de Santiago de Bougado, classificada desde 1984 como Imóvel de Interesse Público, cujo projeto arquitetónico foi desenhado pelo arquiteto italiano Nicolau Nasoni, faz parte do património edificado que poderá visitar.

Será de destacar, também, o trabalho de valorização, promoção e divulgação da Arte Sacra do Vale do Coronado. Será fácil encontrarmos, em qualquer parte do mundo, imagens religiosas esculpidas pelos mestres santeiros do Vale do Coronado, sendo a mais emblemática a de Nossa Senhora de Fátima que se encontra na Capelinha das Aparições, em Fátima.

O Parque das Azenhas é um sítio onde pode estar em contacto próximo com a natureza, onde pode relaxar, caminhar, fazer a sua corrida ou passeio de bicicleta ou trotinete.

A Trofa é também um território vivo, um território de celebração, sendo o seu expoente maior, em termos religiosos, as majestosas Festas em Honra de Nossa Senhora das Dores.

Paralelamente, e como jovem que é, a Trofa gosta de celebrar a vida, gosta de receber de braços abertos todos os que cá chegam e que por cá passam, seja através de grandes eventos como o BeLive, seja pela sua gastronomia ou ainda, pelas suas ciclovias.

A Trofa é também um concelho de empreendedores, de gente ousada, que ama a sua terra e que por isso não tem medo de investir e arriscar.

Anterior
1
...
Seguinte