Topo Ir para conteúdo

CAMPANHA DO PIRILAMPO MÁGICO ESTÁ DE REGRESSO ENTRE 15 DE OUTUBRO E 7 DE NOVEMBRO

Atualidade
15 outubro, 2021
CAMPANHA DO PIRILAMPO MÁGICO ESTÁ DE REGRESSO ENTRE 15 DE OUTUBRO E 7 DE NOVEMBRO
CAMPANHA DO PIRILAMPO MÁGICO ESTÁ DE REGRESSO ENTRE 15 DE OUTUBRO E 7 DE NOVEMBRO

SÉRGIO HUMBERTO, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL, É O PADRINHO DA INICIATIVA NA TROFA

 

A Campanha do Pirilampo Mágico, realizada pela FENACERCI em parceria com a RDP – Antena 1, está de regresso entre 15 de outubro e 7 de novembro. A iniciativa, cuja angariação de fundos visa apoiar instituições que trabalham com a problemática da deficiência, conta com o Presidente da Câmara Municipal da Trofa, Sérgio Humberto como padrinho desta causa no Município da Trofa.

Desde 1987 que o Pirilampo Mágico está na vida dos portugueses, constituindo um dos maiores símbolos de solidariedade social em Portugal, associado ao apoio de crianças, jovens e adultos com deficiência e incapacidade. Este ano, a iniciativa promovida pela FENACERCI em parceria com a RDP – Antena 1, regressa para uma Campanha que decorre entre os dias 15 de outubro e 7 de novembro.

O Presidente da Câmara Municipal da Trofa, Sérgio Humberto é o padrinho da Campanha na Trofa, que este ano se apresenta com o tema “Com Coração” e conta com a parceria da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, apelando a hábitos saudáveis. “O Pirilampo Mágico é uma causa que diz muito a todos os portugueses e que envolve uma problemática que pode ser vivenciada por qualquer um de nós. A Trofa é um concelho de alma solidária e, por isso mesmo, faz para mim grande sentido dar a cara por esta missão”, explica o autarca.

O Pirilampo Mágico tem o preço de 2€ e estará disponível para compra em todo o concelho (tecido empresarial, comércio local, comunidade educativa e associativa). Com o Pirilampo Mágico chegam também os habituai materiais que muitos colecionam desde sempre: a caneca, a chávena, o saco e o pin.

A Campanha do Pirilampo Mágico tem como objetivo a angariação de fundos a favor das CERCI’s e outras organizações congéneres, envolvendo cerca de 100 organizações sem fins lucrativos e mobilizando milhares de pessoas, entre familiares, técnicos e cidadãos anónimos. O seu objetivo é também informar e sensibilizar a opinião pública sobre a problemática da pessoa com deficiência intelectual e/ou multideficiência, procurando salvaguardar o direito à igualdade de oportunidades e o exercício da cidadania plena deste tipo de população.

As organizações beneficiárias da Campanha são instituições privadas sem fins lucrativos, que prestam atendimento direto ou indireto a pessoas com deficiência intelectual e/ou multideficiência em diversos domínios, nomeadamente ao nível de Estruturas Educativas, Centros de Formação e Apoio ao Emprego, Unidades de Emprego Protegido, Centros de Atividades Ocupacionais destinados a desenvolver atividades socialmente úteis para pessoas com deficiência profunda, Unidades Residenciais, Apoio Domiciliário e Intervenção Precoce.